Your browser doesn't support the features required by impress.js, so you are presented with a simplified version of this presentation.

For the best experience please use the latest Chrome, Safari or Firefox browser.

A tecnologia de mãos dadas com a educação

A tecnologia de mãos dadas com a educação

A tecnologia está associada ao desenvolvimento da evolução humana anterior a descoberta do fogo, o maior descobrimento, e assim um passo crucial na história da humanidade. O que dizer da escrita? As primeira tentativas remontam por volta de 4000 a.C e os primeiros alfabetos apenas dois milênios mais tarde. A seguir vem a invenção da roda colaborando com a lei do menor esforço, e poderíamos fazer uma viagem histórica pelo mundo das invenções que muito contribuíram ou dilaceraram a humanidade.
Entretanto, aqui vamos nos ater ao avanço da tecnologia que foi determinante para alterar o ritmo de vida da sociedade, principalmente no que se refere a educação. Podemos retroceder 50 anos e sabemos que já era um desafio motivar um aluno por 4 horas. Hoje, o professor compete com os Iphones, Androids, tablets e laptops saturados de aplicativos e jogos atraentes que dificultaram ainda mais a relação professor e aluno.
Hoje o educador precisa aceitar que a tecnologia pode facilitar o seu trabalho, e assim, instigar uma troca de informação e conhecimento com o seu estudante. A escola precisa de um novo formato e perder a sua uniteralidade. O caminho é utilizar ferramentas que irão facilitar a vida do professor como editores de textodiferentes. Entre eles temos o Hackmd, Gingko Editor, Classeur, Dillinger, Hackpad, Markdown, o genial Demyr, um calendário em formato de puro texto para montar planos e outros e o genial Mindmapping, um mapa conceitual que será muito bem aproveitado na sala de aula para o conteúdo pedagógico de forma personalizada.
A escola precisa se adaptar aos novos tempos e deixar a nostalgia de lado começando pela estrutura de sala de aula. Não podemos mais compactuar com um sistema que coloca estudantes enfileirados com um livro didático nas mãos. A educação deve iniciar um trabalho conjunto entre livros didáticos, projeto político pedagógico e tecnologia na busca do conhecimento.
Por que não fazer um passeio pelo Louvre nas aulas de Arte? Por que não navegar no Rio Amazonas para o estudante entender o que são afluentes e tantos outros tópicos? As propagandas trazem para as aulas de Português um vastíssimo campo de estudo lingüístico. Por que não usar o que o aluno vê na televisão em casa? Hoje, a Internet pode ser um excelente recurso pedagógico e a possibilidade de motivar e trazer realmente o aluno para dentro da aula.
Por conseguinte, sabemos das barreiras burocráticas e estruturais tão presentes em nosso país, e, ás vezes, parece utópico acreditar que os recursos tecnológicos possam estar ao lado da lousa e do giz.
Portanto, é necessário encarar tantos desafios, pois a educação é o único agente de transformação de um país e precisa estar em constante evolução. A escola deve propiciar ambientes com recursos tecnológicos e educadores numa Era Digital .