• UNIVERSIDADE DE BRASÍLIA
    Aluna: Laura Gris Mota matr.: 160059348

    Fichamento Acadêmico

  • Referência Bibliográfica
    CHARAUDEAU, Patrick. Analyse de discours et communication. L’un dans l’autre ou l’autre dans l’un ?. IN: Revue SEMEN 23, Sémiotique et communication. État des lieux et perspectives d’un dialogue, Presses Universitaires de Franche-Comté. Besançon, France. 2007. Disponível em: https://semen.revues.org/5081 Acessado em 25/04/2016

  • Autor
    Patrick Charaudeau é professor de Ciências da Linguagem na Universidade Paris XIII e dirige o Centro de Análise do Discurso da instituição. Nos últimos 20 anos, Charaudeau estuda os diferentes tipos de discursos nas mídias e em canais audiovisuais. É autor dos livros: Langage et discours (Hachette, 1983), Grammaire du sens et de l’expression (Hachette, 1992), La presse, produit, production, réception, (Didier Érudition, 1988), La télévision. Les débats culturels “Apostrophes” (Didier Érudition, 1991), La parole confisquée, un genre télévisuel : le talk-show (Dunod, 1997), Paroles en images. Images de paroles. Trois talk-shows européens (Didier Érudition, 1999).

  • Resumo
    Patrick Charaudeau analisa as áreas de Informação, Comunicação e Linguagem e as relações que existem entre elas e o estudo da análise do discurso.

    Para defender seu ponto de vista, Charaudeau diferencia Informação de Comunicação. Na sequência, explica comunicação, passando pela sua conscepção simplista emissor-receptor e chega na comunicação ubiqua de hoje, onde o receptor se torna sujeito. Também fala da concepção de comunicação do mundo político-midiático, onde ela é um instrumento de manipulação de opiniões. Nesse momento, o autor aponta a linguagem como fator de influência. Em relação a linguagem, ele aponta seu papel de criadora de relações entre os indivíduos. É a linguagem que lhes permite a construção dos significados, sua construção conhecimento de mundo.

    Mas a construção social da comunicação e da linguagem não devem ser confundidas com o objeto de estudo do discurso. Para Patrick Charaudeau, o objeto da análise do discurso é a relação entre a linguagem, o sentido e a ligação social dessa composição. Assim, ele apresenta uma forma de tratar esse objeto de estudo onde apresenta cinco questões:

    • Quem dá o o direito de fala ao indivíduo? (ele fala por si ou pelo grupo)
    • O que faz com que se acreditem no sujeito que fala/escreve?
    • Como se captou a atenção do interlocutor?
    • Como a linguagem constroi os seu conhecimento de mundo?
    • Por que meios exprimem suas opiniões?

    O autor conclui que os campos disciplinares em questão, juntos, fazem o trabalho de interpretação para uma análise do discurso. Contudo, ele afirma que a soma das disciplinas não necessariamente trará um poder explicativo maior do que elas de forma independente. Por esse motivo, Charaudeau defende que a interdisciplinariedade significa que as áreas devem escutar umas às outras em relação aos objetivos comuns de análise, sendo, portanto, complementares.

  • Citações
    “La communication — du moins la communication humaine et sociale — est affaire de construction du sens à travers des actes d’échange qui mettent en jeu une intentionnalité psycho-sociale.”

    “A passer en revue divers écrits, des plus techniques aux plus philosophiques, on voit apparaître trois manières de concevoir la communication : la communication comme support de transmission de l’information, la communication comme instrument au service de la manipulation des opinions, la communication comme illusion.”

    “Parfois Communication et Information sont distinguées en ce que l’une procéderait d’une intention de manipulation alors que la seconde d’une intention de transmission de savoir.”

    “Ici, la communication se réduit à un « savoir dire ». (sobre o marketing político)”

    “La communication est un phénomène général de la société humaine qui englobe divers types et genres de discours, toujours dans une intentionnalité d’intercompréhension et d’influence.”

    “Pour qu’une analyse du discours soit une discipline qui contribue réellement à une meilleure compréhension des phénomènes psychologiques et sociaux de la communication, il faut qu’elle dispose d’une théorie de l’action [13] et de la situation de communication, d’une théorie des stratégies de discours en s’appuyant sur les acquis de la rhétorique, d’une théorie des genres du discours et d’une théorie des imaginaires sociaux en s’appuyant sur des données de la sociologie, de la psychologie sociale et de l’anthropologie sociale.”

  • Comentários
    O artigo faz uma aproximação da Comunicação e dos estudos de análise do discurso. Charaudeau também faz uma interessante colocação sobre a diferença entre Comunicação e Informação e pontua que essa diferenciação é mantida pela mídia.
    Não só o posicionamento da interdisciplinaridade como um fator fundamental para as análises do discurso, mas também as explicações de como esse processo ocorre é bastante ilustrativo e reforça a necessidade de troca complementar entre as disciplinas.

{"cards":[{"_id":"683a23a56efb2a82cf000016","treeId":"683a22d256c6406d76000039","seq":7396212,"position":1,"parentId":null,"content":"**UNIVERSIDADE DE BRASÍLIA**\nAluna: Laura Gris Mota matr.: 160059348\n**Fichamento Acadêmico**\n================================"},{"_id":"683a26a26efb2a82cf000017","treeId":"683a22d256c6406d76000039","seq":9927421,"position":1.75,"parentId":"683a23a56efb2a82cf000016","content":"**Referência Bibliográfica**\nCHARAUDEAU, Patrick. **Analyse de discours et communication. L’un dans l’autre ou l’autre dans l’un ?**. IN: *Revue SEMEN 23, Sémiotique et communication. État des lieux et perspectives d’un dialogue*, Presses Universitaires de Franche-Comté. Besançon, France. 2007. Disponível em: https://semen.revues.org/5081 Acessado em 25/04/2016 \n"},{"_id":"683a30a46efb2a82cf00001a","treeId":"683a22d256c6406d76000039","seq":7396265,"position":0.5,"parentId":"683a26a26efb2a82cf000017","content":"**Autor**\nPatrick Charaudeau é professor de Ciências da Linguagem na Universidade Paris XIII e dirige o Centro de Análise do Discurso da instituição. Nos últimos 20 anos, Charaudeau estuda os diferentes tipos de discursos nas mídias e em canais audiovisuais. É autor dos livros: Langage et discours (Hachette, 1983), Grammaire du sens et de l’expression (Hachette, 1992), La presse, produit, production, réception, (Didier Érudition, 1988), La télévision. Les débats culturels \"Apostrophes\" (Didier Érudition, 1991), La parole confisquée, un genre télévisuel : le talk-show (Dunod, 1997), Paroles en images. Images de paroles. Trois talk-shows européens (Didier Érudition, 1999)."},{"_id":"573911ec144119863fcdbcb3","treeId":"683a22d256c6406d76000039","seq":7396266,"position":0.75,"parentId":"683a26a26efb2a82cf000017","content":"**Resumo**\nPatrick Charaudeau analisa as áreas de Informação, Comunicação e Linguagem e as relações que existem entre elas e o estudo da análise do discurso.\n\nPara defender seu ponto de vista, Charaudeau diferencia Informação de Comunicação. Na sequência, explica comunicação, passando pela sua conscepção simplista emissor-receptor e chega na comunicação ubiqua de hoje, onde o receptor se torna sujeito. Também fala da concepção de comunicação do mundo político-midiático, onde ela é um instrumento de manipulação de opiniões. Nesse momento, o autor aponta a linguagem como fator de influência. Em relação a linguagem, ele aponta seu papel de criadora de relações entre os indivíduos. É a linguagem que lhes permite a construção dos significados, sua construção conhecimento de mundo.\n\nMas a construção social da comunicação e da linguagem não devem ser confundidas com o objeto de estudo do discurso. Para Patrick Charaudeau, o objeto da análise do discurso é a relação entre a linguagem, o sentido e a ligação social dessa composição. Assim, ele apresenta uma forma de tratar esse objeto de estudo onde apresenta cinco questões: \n- Quem dá o o direito de fala ao indivíduo? (ele fala por si ou pelo grupo)\n- O que faz com que se acreditem no sujeito que fala/escreve?\n- Como se captou a atenção do interlocutor?\n- Como a linguagem constroi os seu conhecimento de mundo?\n- Por que meios exprimem suas opiniões?\n\nO autor conclui que os campos disciplinares em questão, juntos, fazem o trabalho de interpretação para uma análise do discurso. Contudo, ele afirma que a soma das disciplinas não necessariamente trará um poder explicativo maior do que elas de forma independente. Por esse motivo, Charaudeau defende que a interdisciplinariedade significa que as áreas devem escutar umas às outras em relação aos objetivos comuns de análise, sendo, portanto, complementares."},{"_id":"683a2ef46efb2a82cf000019","treeId":"683a22d256c6406d76000039","seq":7396267,"position":0.875,"parentId":"683a26a26efb2a82cf000017","content":"**Citações**\n\"La communication — du moins la communication humaine et sociale — est affaire de construction du sens à travers des actes d’échange qui mettent en jeu une intentionnalité psycho-sociale.\"\n\n\"A passer en revue divers écrits, des plus techniques aux plus philosophiques, on voit apparaître trois manières de concevoir la communication : la communication comme support de transmission de l’information, la communication comme instrument au service de la manipulation des opinions, la communication comme illusion.\"\n\n\"Parfois Communication et Information sont distinguées en ce que l’une procéderait d’une intention de manipulation alors que la seconde d’une intention de transmission de savoir.\"\n\n\"Ici, la communication se réduit à un « savoir dire ». (sobre o marketing político)\"\n\n\"La communication est un phénomène général de la société humaine qui englobe divers types et genres de discours, toujours dans une intentionnalité d’intercompréhension et d’influence.\"\n\n\"Pour qu’une analyse du discours soit une discipline qui contribue réellement à une meilleure compréhension des phénomènes psychologiques et sociaux de la communication, il faut qu’elle dispose d’une théorie de l’action [13] et de la situation de communication, d’une théorie des stratégies de discours en s’appuyant sur les acquis de la rhétorique, d’une théorie des genres du discours et d’une théorie des imaginaires sociaux en s’appuyant sur des données de la sociologie, de la psychologie sociale et de l’anthropologie sociale.\"\n\n"},{"_id":"683a32056efb2a82cf00001c","treeId":"683a22d256c6406d76000039","seq":7396270,"position":0.9375,"parentId":"683a26a26efb2a82cf000017","content":"**Comentários**\nO artigo faz uma aproximação da Comunicação e dos estudos de análise do discurso. Charaudeau também faz uma interessante colocação sobre a diferença entre Comunicação e Informação e pontua que essa diferenciação é mantida pela mídia. \nNão só o posicionamento da interdisciplinaridade como um fator fundamental para as análises do discurso, mas também as explicações de como esse processo ocorre é bastante ilustrativo e reforça a necessidade de troca complementar entre as disciplinas."}],"tree":{"_id":"683a22d256c6406d76000039","name":"Fichamento Acadêmico - Modelo","publicUrl":"fichamento-acad-mico-modelo"}}